Hotéis em Poços de Caldas, Brasil

  • Pesquise entre todos os hotéis online em Poços de Caldas
  • Encontre um hotel barato em Poços de Caldas!
  • Reserve por um ótimo preço!
Ordenar por
Processando
Mostrar mais hotéis
Hotéis em Poços de Caldas

Poços de Caldas: águas poderosas e gastronomia de primeira

As águas sulfurosas de Poços de Caldas atraem milhares de turistas ao município mineiro todos os anos. A cidade é uma das mais famosas do circuito de termas medicinais do Brasil, com fontes espalhadas por todo o seu território – a dos Macacos é uma das mais procuradas. Com tantos visitantes, hotéis não faltam por aqui: há desde pousadas simples até imponentes resorts, em que diversificadas áreas de lazer se destacam. Apesar dos banhos de imersão serem o grande chamariz da região, outros atrativos, como passeio de teleférico, belas cachoeiras e uma gastronomia de primeira, tornam a viagem ainda mais interessante.

Aproveitando as águas termais

A maioria das pessoas que procura Poços de Caldas está atrás de banhos de ducha ou de imersão em suas águas termais, às quais são atribuídas propriedades terapêuticas. Dois balneários concentram o interesse dos turistas. O Dr. Mário Mourão, abastecido pela fonte da Praça dos Macacos, possui apenas a segunda opção – para usufruir do espaço é necessário pagar entrada. O líquido que sai da famigerada fonte tem um odor bastante forte, por conta de sua composição alcalina e sulfurosa, mas é limpo, brotando do solo a uma impressionante temperatura de 41 graus Celsius. Já nas Thermas Antônio Carlos, o próprio prédio é uma atração à parte: inaugurado em 1931 e projetado pelo arquiteto Eduardo Pederneiras, ele exibe traços da arquitetura neorromana. A construção pode ser visitada gratuitamente, mas os banhos e tratamentos no spa são cobrados. Quem quiser economizar pode conhecer ainda a Fonte dos Amores, cujo nome vem de uma escultura em mármore, representando dois jovens abraçados, feita pelo artista Giulio Starace. Seu hotel pode ajudar a montar a programação mais adequada às suas necessidades.

Além das termas

Um interessante ponto de interesse em Poços de Caldas é a Pedra Balão. Resultado da explosão de um extinto vulcão, a formação rochosa tem um formato curioso devido à erosão causada pelo tempo. O conjunto de pedras sobrepostas fica na Serra de São Domingos, e oferece um olhar privilegiado da região do alto de seus mais de dez metros de altura. Para quem gosta de cavalgar, o local oferece uma oportunidade, com passeios de algumas horas sendo oferecidos – os hotéis podem auxiliar na reserva. No pé da serra, o Recanto Japonês atrai viajantes pela atmosfera calma, arquitetura tipicamente oriental e belos bonsais. Os mais entusiasmados podem alugar trajes japoneses para fotos – ou apenas para passar o dia se sentindo no Japão. No espaço há, ainda, uma fonte dos desejos e uma casa de chás que merecem visitas.

Atrações para todos os perfis

Quem não quer subir até a Serra de São Domingos de carro pode ir de teleférico, um passeio que vale por si só. O percurso para alcançar os 1.686 metros de altitude tem um quilômetro e meio e dura cerca de oito minutos. Na subida, é possível observar toda a cidade, que apesar de conservar um certo charme rural tem boa estrutura de serviços. A experiência pode ser seguida por uma visita ao Aquário de Poços de Caldas e à estátua do Cristo Redentor. Outro destino muito visitado, a cachoeira Véu das Noivas, no Ribeirão das Antas, compreende três quedas d’água – a maior tem dez metros de altura. No parque que leva o mesmo nome da cascata a natureza é abundante, e uma volta no trenzinho local pode render boas fotos. Poços de Caldas também é conhecida como polo de produção de belas peças em cristal Murano. Nas fábricas Cá d’Oro e São Marcos é possível ver como os delicados objetos são confeccionados, além de escolher alguns exemplares para levar para casa – informe-se em seu hotel sobre os horários de visitação.

A irresistível culinária mineira

Amantes da boa cozinha não irão se decepcionar em uma visita a Poços de Caldas: a deliciosa culinária do estado de Minas Gerais é onipresente por aqui. O Mercado Municipal é um ótimo lugar para começar um tour gastronômico. Lá os turistas encontram doces tradicionais, cachaças, queijos mineiros e vinhos. Um outro petisco muito procurado no local é o sanduíche de mortadela, que fica ainda melhor quando acompanhado por um copo de chope artesanal. O município também é cheio de cantinas, restaurantes e bistrôs sofisticados, onde iguarias como o feijão tropeiro – na qual o grão ganha a companhia de farinha de mandioca, torresmo, linguiça, ovos, alho e cebola, entre diversos temperos – e o tutu à mineira, outra receita clássica que tem o feijão como estrela principal. Aos domingos, as praças da cidade abrigam feirinhas de artesanato, onde saborosos quitutes regionais marcam presença: trata-se de uma ótima oportunidade para provar o melhor da cozinha mineira sem gastar muito.

Preço máximo

de ‎R$44até ‎R$1.012

Atrações - Poços de Caldas